Lavanderia cria filtro que transforma água contaminada das lavagens em água potável

Desde pequenos somos ensinados a economizar água – pelo menos, na teoria. Entretanto, com a crise da água em São Paulo, o assunto parece estar sendo levado um pouco mais a sério até mesmo por quem não mora na capital paulista.

Localizada em Taboão da Serra (SP), a Rotovic, uma lavanderia industrial fundada há 40 anos, serve de inspiração quando o assunto é cuidar da água. Preocupada com o recurso natural utilizado como base, a empresária Paola Tucunduva investiu em um sistema de filtragem que transforma a água suja, resultante das lavagens, em água cristalina potável.

A água com resíduos, que sai das máquinas após as lavagens, passa por quatro tanques, em um processo de decantação e purificação. Um sistema é responsável por verificar o ph e a quantidade de cloro presente na água antes que ela possa ser reutilizada pelas máquinas da lavanderia.

Atualmente, 50% de toda a água utilizada na Rotovic passa por esse processo. No caso de lavanderias, esse tratamento é ainda mais importante, visto que resíduos de produtos químicos utilizados na lavagem das roupas podem contaminar o meio ambiente, caso essa água seja devolvida à natureza sem que haja um cuidado apropriado.

fonte

http://www.hypeness.com.br/2014/11/lavanderia-cria-filtro-que-transforma-agua-contaminada-das-lavagens-em-agua-potavel/