Adolescente de 13 anos desenvolve impressora braile de baixo custo

Com apenas 13 anos, Shubham Banerjee já chama a atenção do mundo todo para seu empreendimento. À frente da startup Braigo Labs, sediada no Vale do Silício, o jovem acaba de receber “centenas de milhares de dólares” do fundo de investimentos da Intel para continuar a desenvolver sua invenção: uma impressora de braile de baixo custo.

Em seu início, há um ano, a Braigo, como é chamada a impressora, era feita de peças de Lego. Aos 12 anos de idade, Banerjee, nascido na Bélgica, apresentava o protótipo daquilo que foi apenas um projeto na feira de ciências da sua escola na Casa Branca, para o presidente americano Barack Obama.

Com o apoio da Intel, o garoto deixou a impressora mais inteligente com a ajuda de um chip chamado Edison. O redesenho do dispositivo agora consome menos energia e permite ações automatizadas – como a impressão de manchetes de jornais todos os dias pela manhã.

Impressoras braile já existem, mas o grande feito de Banerjee é reduzir o preço médio do eletrônico em cerca de US$ 350.

fonte

http://www.gazetadopovo.com.br/tecnologia/conteudo.phtml?tl=1&id=1513425&tit=Adolescente-de-13-anos-desenvolve-impressora-braile-de-baixo-custo